Corrente

Queridos e amados irmãos que aqui nesta casa se encontram.

Amados, fico muito contente de ver aqui vocês sentados em uma cadeira e ouvindo o

ensinamento que Jesus nos deixou.

Eu, amados, não tive a oportunidade que vocês tem aqui.

Naquele tempo não tinha, não existia, o espiritismo, foi muitos anos atrás.

Eu só aprendi a fazer o mal, porque não tive o ensinamento que vocês tem aqui.

Amados, por isso tudo estou pagando pela terceira vez.

Eu já passe aqui pela Terra, a primeira vez foi em 1500.

Fui um feitor de escravos de um grande navio, vendendo e negociando escravos.

Matei muito negros e fiz muitos deixar suas famílias, eu vendia, esta foi uma passagem que

tive.

A outra foi mais difícil porque eu escolhi por ser um deles, um negro escravo, porque queria

pagar meus pecados.

A terceira foi uma das mais difíceis que eu passei.

Pedi para encarnar em uma família pobre e muito humilde, quase consegui…

Ia com meus pais à igreja e me tornei um grande palestrante.

Fui um jovem muito inteligente.

Comecei a dar palestras em outras igrejas, e foi ali que me perdi.

Porque fiquei muito orgulhoso e não conseguia mais gostar de meus irmãozinhos pobres.

Foi ai que eu passei por uma prova e, não cumpri tudo aquilo que pedi para ser.

Me fui e, lá passou um filme de minhas vidas, e ali ví tudo que deixei de fazer.

E ví aquilo que tinha prometido fazer.

Amados, eu quero que aprendam uma coisa: a nossa vida é como uma corrente, a gente vai se

quebrando.

Se preparem, porque não morremos nunca.

Sempre queremos pagar nossos erros.

Mas tem o caminho torto da vaidade, e é lá que nos perdemos.

Vou voltar para encarnar novamente, com mais uma prova.

Vou voltar e quero melhorar.

Que Deus abençoe a todos

Jose.